Para relaxar…

Nada como passar o dia com a Princesinha! Ela está aqui comigo e nada mais importa. Sinto-me uma criança feliz, brincando com ela. E, para relaxar,um texto super legal para brindar a vida!

A Avó que Voou com o Vento

A avó saiu de casa. Começava a ventar um vento cada vez mais forte, mais forte, mais forte ainda. O vento empurrava a avó para um lado e para o outro. Das árvores caíam muitas folhas verdes, marrons e amarelas. Caíam também muitas amêndoas das amendoeiras. Quando a avó olhou para cima caiu uma amêndoa bem na cabeça dela. Ai!, gritou a avó bem alto.

A avó tinha levado o guarda-chuva colorido que a neta Filipa tinha dado a ela no dia do seu aniversário.
De repente, um vento ainda mais forte… levou a avó pelo ar por entre as árvores da Rua Barão da Torre. Lá foi a avó voando com o vento. A avó parou em cima de um grande galho na árvore mais alta. Ouviu um miau… miau. Quem estava ali pertinho dela com medo daquele vento tão forte?
Um gatinho levado, que tinha subido na árvore e não sabia descer.
“Que vamos fazer?” – a avó perguntou ao gatinho.
Lá embaixo parou um monte de gente para ver a avó sentada no galho com o guarda-chuva colorido e o gatinho miau… miau. A avó pegou o gatinho no colo, abriu o guarda-chuva que como um paraquedas a fez descer suavemente até a rua num plié (a avó, além de avó, era também bailarina).
Os presentes dados pelos netos às avós são sempre mágicos, vocês sabiam?
Quando tocou o chão, o montão de gente bateu palmas e gritou:
“Viva a vovó com o guarda-chuva mágico! Viva o gatinho!”
O gatinho, mal encostou no chão, correu cheio de medo daquele barulhão que todo mundo estava fazendo.
“Viva a vovó!”

Uma história inédita de Nelly Porto. Do Mingau digital

Gostou do Blog?

O que é RSS?

Assine o Feed RSS ou receba nossos textos por email. É grátis!
Digite seu email:

5 comentários para “Para relaxar…”

  1. claudia lyra

    Você é uma vovó no vento, linda!
    Denise… seu último post me deixou meditativa. Queria tanto poder conversar mais…

    Ah, ah, “uma vovó no vento”,eu? claudia, podemos conversar quando quiser. É só mandar um email ou pelo MSN, tá.
    beijo,menina

  2. Carlos Emerson Jr.

    Adorei a idéia da vovó voando pela Rua Barão da Torre!!!
    Denise, vá curtir a netinha. São esses momentos de felicidade que importam. Que nos fazem achar que a vida, apesar de tudo, tem algum sentido.
    Um beijo.

    Cejunior, fala sério, voar pela Rua Barão da Torre deve ser radical,né! Com certeza, curtir a Princesinha me faz achar que a vida, apesar de tudo, tem algum sentido.
    abraço, garoto

  3. aninhapontes

    Ai que eu acho que essa vovó anda fazendo muita “arte”, mas tudo bem, vamos pedir à princesa que cuide da vovó, para que ela não suba em nenhuma árvore, não dance balé e nem saia voando por aí.
    Vai ficar ao lado da princesa contando histórias, e amando e curtindo, e paparicando.
    Bom domingo prás três.
    Beijos

    Aninha, gostei do fazendo muita “arte”,quem me dera… Já subi em muita árvore, mas ainda não consegui sair voando por aí, hehe.
    beijo,menina

  4. valter ferraz

    Vó De, acho que você iria ficar uma graxinha voando de guardachuvas mágico por aí. E de calças compridas, por favor!
    Um beijo, vovó!

    Valter, bem pensado: de calças compridas,he he!
    abraço, garoto

  5. Yvonne

    Denise, essa vovó é muito interessante. Voar em plena Barão da Torre não é para qualquer um. Muito gostoso de ler. Agora que sou vovó, tenho que começar a prestar atenção nas novidades.Beijocas

    Ah, você vai ver o que é bom! O mundo fica diferente, somos mais sensíveis. é divino ser avó!
    beijo, menina

Leave a Reply

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
%d blogueiros gostam disto: