18 comentários para “Alguém no sofá me abraça”

  1. Tweets that mention Alguém no sofá me abraça | Sturm und drang! -- Topsy.com

    […] This post was mentioned on Twitter by denise rangel. denise rangel said: Alguma vez você já experimentou dormir no sofá e acordar na cama,quando sabe que não estava lá na noite anterior? http://migre.me/EnXd […]

  2. Luma

    Dormia muito no sofá quando era criança e em algumas ocasiões, via alguém abrir a porta da sala e caminhar lentamente até chegar onde eu estava. Era alguém com um sapato masculino preto muito bem lustrado (eu nunca levantei os olhos para olhar quem era) que parava à minha frente, esperava um minuto, como se estivesse olhando e caminhava para a cozinha. Estática eu ouvia água cair dentro de um copo, este repousar no mármore da pia e os passos voltarem no mesmo trajeto, parando um minuto à minha frente e depois saindo pela porta. A primeira não contei para ninguém, a segunda vez contei para a minha mãe e ela disse “Sonhou” e na terceira vez ela disse “Pare de assistir filmes de terror”. Nunca mais fiquei sozinha na sala quando todos estavam dormindo 😛

    Gostei do sofazinho nuvem! Imagina um tanto destes em uma sala de tv?

  3. Thera Fajyn

    Conheci um sofá ótimo para cochilar num albergue certa vez. Fofinho, os braços baixos… Nem saí dolorida da soneca. O tipo que vou procurar se um dia resolver ter um espaço só pra mim! XD

  4. Luiz Ramos

    Dormir no sofá pode ser um sinal de solidão, de abandono, de liberdade, de escolha. Ou, ser oportunidade para produzir um belo texto sobre um designer chinês.
    Lindo o seu texto.
    Luiz Ramos

  5. Luciana Kotaka

    Olá amiga, que charme essses sofá, dá para sonhar mesmo nele.Uma graça seu espaço. Bjks

  6. Luciana Kotaka

    Desculpe, digitei tão rápido e não vi os erros de português a tempo. Bjks

  7. claudia

    Poxa vc consegui captar com perfeição tudo que conversamos sobre meu meu pequeno grande dilema!!dormir no meu sofá que me abraça toda noite quando chego,morta com farofa depois de um dia aulas nos 2 turnos!rsrrs
    Realmente sinto que além de me abraçar ,ele me acarinha,o que torna a missão de ir pra cama quase que impossivel,salvo os apelos da minha filha que as vezes até desiste de tal missão..hehehe,enfim seria tolice relatar tambem,que muitas das vezes chego a pensar que ele ouve minhas lamúrias e desconfortos em relação aos problemas cotidiano que todos passamos e tenho certeza que me faz pegar no sono mais rapidamente para aliviar tais “probleminhas”rsrrs
    Denise adorei a crônica!!!vc é uma querida…
    parabéns pela cronica !!ficou maravilhosa…ah!!! e obrigada..
    bjs
    claudia

    1. Denise Rangel

      Claudinha,
      Sabia que uma boa soneca ajuda a solucionarmos com mais clareza os problemas cotidianos? Em um cochilinho, algumas saídas são processadas na mente e, quando acordamos, já temos uma ideia ou outra sobre como agir. Então, nada melhor que um sofá que te abraça pra ouvir tuas nossas lamúrias e desconfortos, hehe 🙂
      Obrigada pela “inspiração”, ha ha!
      beijo, menina

  8. claudia

    Ah esqueci de falar!!!
    o sofazinho na nuvem foi tudooooo..amei!!
    bjks

    1. Denise Rangel

      Nem me fale, Claudinha. Se um dia comercializarem um sofazinho nuvem desses, acho que quero um pra mim 🙂
      beijo, menina

  9. Denise Rangel

    Obrigada pelo carinho, Luciana.
    Volte sempre!
    beijo,menina

  10. Denise Rangel

    Ih, Luiz, no meu caso deve ser tudo junto: solidão, abandono, liberdade, escolha, preguiça, etc, hehe.
    Obrigada pelo carinho. Volte sempre.
    abraço, garoto

  11. Denise Rangel

    Uia, que medo, Luma! As crianças têm imaginação fértil mesmo. Quanto ao sofá, eu já me imagino nele, hehe.
    beijo,menina

  12. Denise Rangel

    Thera, sabe que penso em comprar um sofá maior e mais largo, para eu me esparramar nele, hehe?
    beijo, menina

  13. Lunna

    Bom dia Denise, nossa, a imaginação é algo surreal, me diverti muito aqui com o seu post. Sério.
    O sofá é um amigo e tanto, já dormi várias vezes lá. Aliás, a mãe do Marco adorava isso. Toda vez que eu ia almoçar na casa dela, deitava no sofá e apagava durante uns dez ou quinze minutos e depois de algum tempo ela já dizia “vai lá dormir um pouquinho”. Aliás, quando mais nova ouvia muita aquelas perguntas “e aí tem um sofá lá na sua casa pra mim?” rs
    Eu já dormi várias vezes no sofá assistindo televisão e acordei na cama, mas isso é efeito dormência. Eu levantava e ia para a cama: bebia água, ia ao banheiro, escovava os dentes, tirava a roupa e cama. Só disso porque o Marco me contou… kkkkkkkkkkkkkkkkk
    Bacio carissima

    Ps. Vou procurar um fantasminha lá no meu sofá da próxima vez. rs Adorei.

    1. Denise Rangel

      Ah, ah, Lunna
      A gente faz coisas no automático, sonambulamente e depois se assusta pela manhã. Mas aquele abraço eu senti de verdade (arrepio).
      Se encontrar seus fantasminhas, me conta, viu?
      beijo, menina

  14. Decorar um quarto sem gastar muito | Montando meu apartamento

    […] Humm, tevê no quarto? Será uma boa ideia? Ecologicamente incorreto, não é mesmo? É melhor deitar no sofá da sala e levantar para dormir no […]

  15. Meme literário: meu lugar de leitura | Sturm und Drang!

    […] quando livros digitais (ainda compro um leitor digital …). Frequentemente, também adormeço no sofá, enquanto leio um livro, se for muito tarde, mas, é neste lugar que gosto de […]

Leave a Reply

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
%d blogueiros gostam disto: