Uma vida digna para Flávia

O que uma mãe pode esperar da Justiça deste país?

Uma indenização decente para que possa dar uma vida digna que o caso em questão exige. Nada mais justo, uma vez que o caso de sua filha é irreversível. Mas dinheiro algum poderá trazer de volta o sorriso de Flávia,seus sonhos desfeitos, sua infância interrompida, sua juventude perdida, quando, aos dez anos de idade, teve seus cabelos sugados pelo ralo da piscina do condomínio em que morava, em Moema, São Paulo, e que provocou o coma no qual vive há dez anos.

O objetivo desta blogagem coletiva é alertar sobre os riscos oferecidos pelos ralos de piscinas e denunciar os fatos que levaram a menina Flavia ao coma, e, principalmente, exigir a punição dos responsáveis por esta tragédia. Um protesto contra a a impunidade dos envolvidos e a lentidão da justiça brasileira!

Pensei que não teria condições de escrever algo hoje sobre este assunto, mas, ao ver Odele, forte, decidida, apoiada neste amor incondicional, à busca de uma vida digna para sua filha, pensei: ficar em silêncio é ser cúmplice desta violência sem tamanho. E eu sei bem o que é uma dor de mãe. A força que ela demonstra é conseqüência de um amor incondicional, que é este amor de mãe. E, do apoio dos amigos e daqueles que, como eu, não a conhecem, mas sentem este mesmo amor por um filho. Então, junto minha voz a de outros tantos blogueiros em busca de uma solução para o caso de Flávia, para que outras crianças não sejam vítimas do descaso , da negligência, da irresponsabilidade e da impunidade dos poderosos deste país.

Hoje sonhei com meu filho. E isto impulsionou-me a vir aqui e escrever que este amor de mãe é forte e nada irá afastar Odele, mãe de Flávia, deste objetivo, que é o de dar à sua menina, as condições de vida digna que o seu estado exige. Então, junto minha voz a de todos que apóiam Odele , para que todos compreendam que a lentidão da justiça e o perigo dos ralos de piscinas devem ser assuntos importantes o suficiente para chamar a atenção da mídia fim de que este caso tenha o desfecho que Flavia merece: uma vida digna.

[tags]justiça para Flávia, perigo ralos de piscina, Flávia em coma[/tags]

Gostou do Blog?

O que é RSS?

Assine o Feed RSS ou receba nossos textos por email. É grátis!
Digite seu email:

3 comentários para “Uma vida digna para Flávia”

  1. Mario

    Denise, o seu post emocionado é de grande valia para esta coletiva. Parabéns.

  2. denise

    Obrigada, Mario
    Realmente, só unindo forças conseguimos derrubar barreiras.
    abraço, garoto

  3. Odele Souza

    Denise,

    E eu que ainda não tinha comentado este teu post lindo!.
    Me desculpe, naquele 15 de Setembro não dei conta de agradecer a todos que se uniram à minha luta por justiça para Flavia.

    Que bom que você continua conosco. Vamos esperar o que decidirão os ministros de justiça lá em Brasilia neste 03 de março de 2009. Vamos esperar que a Jacuzzi seja condenada, porque isto é que seria o justo.

    Um abraço Denise.

Leave a Reply

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
%d blogueiros gostam disto: