Twitter na classe II

Há um mês, iniciei o projeto Twitter em sala de aula com minhas turmas do Ensino Fundamental. A princípio, as discussões seriam sempre relacionadas às aulas de Língua Portuguesa e Produção Textual, até que os alunos se animassem e começassem a interagir.

Após estes 30 dias de implantação do projeto Twitter, observei alguns comportamentos dos alunos relacionados a esta minha prática pedagógica com mídias sociais em sala de aula, que quero compartilhar com vocês.

Twitter como material de aula

Em primeiro lugar, o que intrigou alguns alunos, foi o fato de a mídia social na sala de aula ser utilizada como uma ferramenta de estudo, e não como uma distração.  Aos poucos, começaram a entender que o uso do Twitter  seria relevante como material de aula.

Ainda não criamos uma discussão mais aprofundada em torno de um tema, pois estamos em fase de testes e adaptação. Alguns alunos ainda não sabem como usar a ferramenta para fazer tarefas de aula. Por isto mesmo, o nosso perfil @aulasLP continua fechado, restrito apenas às nossas turmas e alguns conhecidos que se interessaram pelo projeto.

Além disso, precisamos treinar os alunos a interagir sobre os temas das aulas, em 140 caracteres. Creio que isto vá auxiliá-los a aprender a ser mais concisos em seus pensamentos e coerentes com as ideias discutidas em classe.

Observei que os alunos com uma conta no Twitter a incluíram no projeto, e isto não foi uma boa experiência, pois as conversas paralelas com amigos fora da classe, sobre assuntos “cotidianos”, eram, muitas vezes, inadequados ao perfil que criamos. O ideal é que criem uma segunda conta para uso da classe apenas.

Listas e hastags

Cada uma das minhas turmas está organizada em listas (D63, D72, D73), para que eu possa acompanhar as interações e premiar os alunos participantes. Exatamente: eles gostam de receber pontos quando postam as tarefas. E eu gosto disto também!

Até o momento, as turmas estão interagindo com quatro hashtags para postagem de tarefas relacionadas às aulas: #coesão, #crie_fabula, #pronomes e #estoulendo.  Esta última hastag foi criada para estimular a leitura de livros escolhidos livremente por ele, em casa ou na sala de leitura.

Perfis compartilhados

Como a maioria dos alunos é de classes populares, nem todos têm computador com acesso à internet, e, por isto, alguns não estão familiarizados com as ferramentas de mídias sociais usadas em nossas aulas.  Uma das maneiras mais simples de estimulá-los a usar o Twitter, foi sugerir a formação de perfis em duplas. Assim, perfis do tipo @franKar (fictício), para Francine e Karla, por exemplo, começaram a surgir.

Outra ação que observei ser mais eficiente, é, simplesmente escrever a hashtag que iremos usar na semana, no quadro branco, logo no início de cada aula. Ao final da aula, mostrar a atividade da semana no PPT ou no próprio Twitter, com as interações dos colegas. Isto serve de estímulo para os outros participarem também.

A cada aula, convido um aluno, que ainda não tenha perfil no Twitter, para criá-lo ali mesmo, ao vivo, junto com a turma. E, um que já possua Twitter, para criar uma conversa sobre a aula, e postá-la em seu perfil. Meu notebook está sempre on line na sala de aula, para as aulas virtuais da Educopedia, das apostilas da SME e de minhas aulas em PPT.

Novas ideias

Mais adiante, pretendo associar a hastag #estoulendo à plataforma Educoteca, a biblioteca virtual da Rede Municipal do Rio de Janeiro, que disponibiliza livros para leitura on line ou em PDF. Para isto, os alunos precisam aprender a criar links dos livros da plataforma Educoteca para adicioná-los aos tweets relacionados às hastags #estoulendo.

Pensamos também em levar as discussões do Twitter da turma, para fora da classe, conectando-a a um público mais amplo. Para isto, precisamos interagir melhor entre a turma, respondendo as mensagens uns dos outros, utilizando adequadamente as hastags e links, para organizar as conversas.

Esta série continua. Acompanhem…

Gostou do Blog?

O que é RSS?

Assine o Feed RSS ou receba nossos textos por email. É grátis!
Digite seu email:

Um comentário para “Twitter na classe II”

  1. Pequenas anotações de viagens virtuais 65 - Uma Malla Pelo Mundo

    […] A Denise vem testando de maneira super-bacana o twitter em sala de aula, como ferramenta de aprendizagem de Língua Portguesa para o Ensino Fundamental. Vale acompanhar a […]

Leave a Reply

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
%d blogueiros gostam disto: