Portugal ratifica unificação ortográfica

O tratado de uniformização da ortografia visa a unificar o idioma nos oito países que falam a língua portuguesa (Brasil, Portugal, Guiné-Bissau, Cabo Verde, Moçambique, Timor Leste, Angola e São Tomé e Príncipe). Angola e Moçambique ainda relutam em ratificar acordo.

Portugal aprovou o acordo, esta semana, e, segundo decisão do parlamento português, as mudanças deverão entram em vigor dentro de seis anos. Apesar de protestos de intelectuais e políticos promovidos nas últimas semanas, apenas três dos 230 parlamentares votaram contra. A principal crítica ao acordo, levantada pelo partido Centro Democrático Social (CDS), é que ele representa uma concessão aos “interesses brasileiros”. “A língua portuguesa é o maior patrimônio que Portugal tem no mundo”, afirmou o deputado Mota Soares.
No Brasil, a presidente da Câmara Brasileira de Livros (CBL), Rosely Boschini, declarou que “a unificação da escrita vai fortalecer a língua portuguesa e abrirá um novo mercado para as editoras brasileiras.” Aqui, o acordo deve entrar em vigor já em 2009 – só depende da assinatura do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O Ministério da Educação enviará a Lula nos próximos dias minuta de decreto com essa previsão.

Principais mudanças

* Alfabeto: o alfabeto, que atualmente possui 23 letras, será acrescido de mais três: k, y e w.

* Trema: o trema será totalmente eliminado das palavras portuguesas ou aportuguesadas, sendo usado apenas em palavras derivadas de nomes próprios estrangeiros, como por exemplo mülleriano, de Müller.

* Hífen: a regra para uso de hífen será simplificada.

* Acentuação gráfica: não serão assinalados com acento gráfico os ditongos ei e oi de palavras paroxítonas, como assembléia, idéia e jibóia.

De acordo com Antônio Houaiss, em seu livro “A Nova ortografia da Língua Portuguesa” (Ed. Ática, 1991), “O novo texto de unificação ortográfica pretende dar conta de 98% do vocabulário geral da língua.” Diz também que “atende de forma mais satisfatória às necessidades lingüísticas dos diferentes países que falam o Português, evitando, assim, a desagregação do idioma.”
Será? Quero ver para crer… Já há gente abolindo todos os acentos, tremas e hífens, por conta do ‘ouvi dizer por aí’. Vamos esperar…

Fonte:
MEC:Unificação ortográfica muda livros
O Estado de São Paulo: Portugal aprova o acordo
Multirio: Acordo Ortográfico da Língua
Imagem: daqui
[tags]Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa, Portugal ratifica o Acordo, Mudanças na Ortografia[/tags]

Gostou do Blog?

O que é RSS?

Assine o Feed RSS ou receba nossos textos por email. É grátis!
Digite seu email:

2 comentários para “Portugal ratifica unificação ortográfica”

  1. valter ferraz

    DE, vai virar uma zorra total. Fiz um post sobre isso há algum tempo.
    O brasileiro não consegue escrever direito hoje,imagine depois da “reforma”?
    Bom, vamos esperar não é mesmo?
    Beijo, professora!

    (sabe que eu sempre quis dizer isso e nunca tive coragem? Agora que deixei a escola posso falar)

  2. lunna

    Bom dia Denise, eu confesso que não concordo com essa mudança e ela (ao contrário do que dizem) não irá facilitar em nada a situação existente.
    Se no próprio país há diferença de pronúncias – não sei de que forma eles pretendem melhorar ou facilitar isso. Enfim, vamos, como você mesma disse, esperar para ver.
    Abraços meus

Leave a Reply

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
%d blogueiros gostam disto: