Por uma alimentação mais verde

 

Já imaginou uma geladeira repleta de alimentos naturais, que dispensam o cozimento? Este costume de não querer cozinhar pode até não ser muito viável para a maioria das famílias, porém,  alimentar-se desta maneira tem suas vantagens, principalmente para quem quer ter uma vida mais saudável ou aproveitar melhor os nutrientes dos alimentos e ainda economizar energia.

Há algum tempo que venho mudando os hábitos alimentares da minha família, que, embora já sejam bem naturais, ainda trazem resquícios do consumo de produtos industrializados. Aumentamos a quantidade de alimentos que podem consumidos crus, disponíveis a qualquer hora, com um único trabalho: lavá-los bem para diminuir a quantidade de possíveis resíduos de agrotóxicos, caso não sejam alimentos comprovadamente orgânicos.

A ideia de ter os alimentos sempre à mão e prontos para serem consumidos, não se aplica aos que necessitam de cozimento. O velho hábito de preparar uma grande quantidade de refeição não é saudável, uma vez que, os alimentos cozidos têm uma vida útil reduzida, e precisam de cuidados para evitar a contaminação por microorganismos prejudiciais  à saúde. O ideal é que se faça só um pouquinho da refeição para comer tudo fresquinho.

A variedade de novas frutas e verduras que entram em meu cardápio a cada ida à feira ou ao sacolão, é algo que me estimula a manter essa mudança na alimentação!  Não sou vegetariana, pois, embora tenha abandonado o hábito de comer carne, há cerca de três anos, ainda consumo ovos, leite e seus derivados.  Penso que devo consumir mais vegetais e frutas, pela questão ambiental , e porque minha saúde depende de como me alimento diariamente.

Um cardápio mais natural

Há uma variedade de frutas, verduras, grãos e carnes (minha família come carne) que, em sua maioria, dispensam cozimento.Veja que cardápio variado preparei para minha família. A cada semana, basta mudar os itens de cada coluna, de acordo com a disponibilidade dos vegetais durante o ano.

*necessitam de cozimento

É muito bom abrir a geladeira e perceber que há frutas, verduras e outros vegetais prontos para serem consumidos. Apenas com um descascador, você tem legumes em tiras ou rodelas, e, em questão de minutos, uma salada muito leve e nutritiva.

Penso que precisamos buscar hábitos de vida e uma alimentação mais saudáveis, se desejamos viver melhor agora e no futuro. Os alimentos processados, industrializados e modificados não é a melhor alternativa para quem precisa manter corpo e mente com  saúde. A natureza fornece a vida e a saúde. Basta aproveitá-la com sabedoria e consciência.

Imagem: Salada, by Laurel Fan, em CC

Gostou do Blog?

O que é RSS?

Assine o Feed RSS ou receba nossos textos por email. É grátis!
Digite seu email:

3 comentários para “Por uma alimentação mais verde”

  1. aninha pontes

    Quero não.
    Nem tanto o mar, nem tanto a terra. Ainda prefiro um mixto de coisas.
    Beijos

    1. denise rangel

      Imagino que sim, você prefere comer de tudo, como a maioria da população. A gente só muda a alimentação quando tem algum problema de saúde. E a comida transforma-se em veneno, infelizmente.
      beijo, menina

  2. Valeria

    Eu sou do tipo que ama a natureza e gostaria muito de ter hábitos saudáveis em todos os sentidos da vida, na alimentação, lazer, cuidados do corpo, como cabelo e pele por exemplo. Mas confesso que não encontro meios de fazer isso, por ignorância, falta de conhecimento, atitude, sei lá. O fato é que não encontro informações coerentes nas minhas pesquisas, mas encontrei você quando procurei por alimentos que ajudam na produção de melanina e achei muito interessante o ‘no-poo´’ e queria mais detalhes.

Leave a Reply

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
%d blogueiros gostam disto: