4 comentários para “Racismo se aprende na escola?”

  1. Simone Aline

    Muito bacana o texto. Explicou de forma simples e extremamente reflexiva como colocamos o “racismo” até sem percebermos no nosso dia-a-dia.
    E como as crianças notam isso com uma facilidade maior, as de cor negra realmente devem “sentir na pele” esses “ditos populares”. Talvez por não ser negra, nunca tenha me dado conta dessas frases feitas serem tão “racistas”! Mas consegui imaginar crianças negras nos momentos em que ouvem isso, como se o “preto” fosse a “cor ruim” em tudo!!! Aff!!! Como devem se sentir? Excelente post! Parabéns!

  2. aninha pontes

    De, vc tem razão. Cabe a nós desconstruir muito do que foi incutido nas pessoas, para que ninguém se sinta menor, em decorrência da sua cor de pele. Cabe a nós também, mostrar ao aluno negro que nem tudo que se fala é por discriminação, do contrário estaremos alimentando esse sentimento de inferioridade nas crianças. O que devemos ensinar às nossas crianças, é que o preconceito é uma coisa feia e ruim, que ninguém é melhor que ninguém, em função da cor da pele, mas não podemos levar ao extremo tb esse medo de ferir, estar sempre pisando em ovos. Isso já mostra que os consideramos diferentes, sensíveis demais. Tem diferença. Nós sabemos que tem, e precisamos deixar isso claro.
    Você continua fera!
    Beijos

    1. Denise Rangel

      Aninha, que bom tê-la aqui, de novo! Certamente, nosso papel é de mediadores, porém precisamos educar nossos meninos e meninas para que entendam esta diferença. Eu mesma já usei estas expressões e tive de explicar ao aluno o sentido empregado, e, mesmo assim, ele acusou-me de racismo. Precisamos, sim, estar atentos, principalmente quando se trata de crianças e adolescentes.
      Beijo, menina

Leave a Reply

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...