6 comentários para “Três meses com No Poo – Parte VIII”

  1. thais saito

    Eu tentei….. mas meu cabelo é muito oleoso. Desisti com duas semanas. Na segunda semana, meu cabelo não “desengordurava” mais de jeito nenhum.
    Mas minhas crianças usaram por uns 6 meses e ficaram muito bem. Agora encontramos uma linha de produtos que não tem tanta química ruim e estamos usando.
    Mas pretendo tentar de novo.

  2. denise rangel

    Thais,
    Realmente, nem todas as pessoas se adaptam ao no poo. No teu caso, poderias experimentar o low poo, e reduzir o uso de shampoo.
    beijo, menina

  3. margarete

    eu estou completando 3 meses e meio de no poo/low poo. Passei o inferno na terra nos primeiros 2 meses. Meu cabelo ficava uma bolota oleosa e suja. Eu não sabia usar o co wash. Mas eu insisti no método pq eu não tinha nada a perder (jamais soltei meu cabelo de tão gigantesco e frizado), e pq o simples fato de parar com o xampu de sulfato deixou meu cabelo menos frizado. Algumas partes dos cabelos foram ficando “juntinhas”, fio com fio… suficientemente oleosas… e isso foi me empolgando. As umectações eram tudo q meu cabelo queria e ele foi ficando melhorzinho… Digamos q era uma vez lindo de morrer e outras 3 vezes medonho. Fui ao cabeleireiro q me olhou com ceticismo qdo eu falei do método. Realmente não dava para ver nada de longe. Mas assim q ele cortou as pontas – TCHANNNN!!! – apareceram ondas lindas, juntinhas e ele foi secando sozinho, sem deixar nenhum frizz!!! Agora ele está realmente diferente. Meu mal são as escamas abertas. Estou penando para fechá-las, com mel e bepantol. A gente vai descobrindo aos pouquinhos o q serve e o q não serve, não tem jeito… Esta semana vou experimentar o vinagre… O BS foi maravilhoso para limpar, mas ressecou o cabelo!!! Uma vez por mês eu sou obrigada a limpar mesmo o cabelo, pq moro em cidade poluída – ele fica pretinho. Então por enquanto estou no low poo. Mas tb já estou aprendendo a usar o co wash… O bom tb é q a gente gasta menos água no banho, menos energia elétrica… não carrega potes e potes qdo viaja… não tem medo de pegar garoa… estou curtindo! Acho q vale a pena mesmo!

    1. denise rangel

      Oi, Margarete
      Obrigada pelo contato.
      É assim mesmo. Há um período de adaptação, os cabelos ficam mais oleosos e dá vontade de desistir. Sua decisão de continuar valeu a pena, né?
      Não ter frizz e nem medo de garoa é muito bom! Também aprecio muito isto!
      beijo, menina

  4. Julia

    Sou adepta ao No-Poo há quase 1 mês. Meu cabelo sempre foi extremamente oleoso, daqueles que precisam ser lavados todos os dias sem faltas, além de naturalmente muito fino e pouco. Encontrei na teoria do No Poo uma esperança, já que sempre desejei fios mais fortes e menos oleosos. Enfim, a experiência não está sendo muito boa pra mim, mas sei que o período de adaptação leva um bom tempo, então vou esperar.
    Ultimamente, não sei o motivo, meu cabelo já não fica tão limpo após a lavagem; a parte de trás, aliás, continua como se não tivesse sido lavada. Penso que posso estar tendo resíduos do bicarbonato, e a tentação de usar um shampoo e recomeçar é grande. Já vou providenciar um filtro para o meu chuveiro, e tenho esperanças de que isso me ajuda consideravelmente.

    Gostaria de saber se você já passou por isso, e se o correto é usar o vinagre no couro cabeludo também (uso-o apenas nas pontas, pois foi assim que aprendi, mas imagino que a alcalinidade do bicarbonato deva ser neutralizada).

    Grata desde já, E POR FAVOR RESPONDA!

    1. denise rangel

      Oi, Julia
      Obrigada pelo contato.
      É assim mesmo. Há um período de adaptação, os cabelos ficam mais oleosos e dá vontade de desistir. A decisão é sua. No meu caso, valeu a pena.
      Use o vinagre diluído e aplique-o em toda a cabeça. Massageie e enxágue bem!
      Veja os posts em que mostro minha experiência:
      http://drang.com.br/blog/desafio-no-poo/
      Espero que tudo fique legal pra você como ficou pra mim!
      beijo, menina

Leave a Reply

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...